Rua Dr Artur Leite de Barros Jr, 217 - Mandaqui - São Paulo - SP

(11) 3474 7427 (21) 4063 7427

Clique aqui para abrir o chat

Rua Dr Artur Leite de Barros Jr, 217 - Mandaqui - São Paulo - SP - 02408-110

Blog

3 erros comuns no dia a dia de uma corretora de seguros (1º erro é não ter gerenciador)!

A corretora de seguros precisa diminuir os seus erros gerenciais e de abordagem com o cliente para obter mais sucesso no mercado. Dessa forma, a empresa terá maiores chances de prospectar, conquistar e fidelizar os seus clientes.
 
Ao diminuir os erros de gestão, a empresa conseguirá atingir novas oportunidades de negócios, e uma das melhores formas de atuar no mercado é utilizar um gerenciador de clientes.

A corretora de seguros

A corretora oferece contratos de proteção, garantia e substituição de bens e patrimônios que tenham valor no mercado. Os contratos são regidos por cláusulas que detalham as obrigações do clientes e da seguradora e, em conjunto com outros documentos, formam a apólice de seguro cujo valor deve ser avaliado pelo representante da seguradora.
 
Porém, muitas empresas de seguro perdem oportunidades e clientes por não enxergarem as necessidades deles e por não prever outras oportunidades de mercado.
Os 3 erros mais comunsVamos listar a seguir os três erros mais comuns que atrapalham a evolução de uma empresa que atua no setor.

Os 3 erros mais comuns

Vamos listar a seguir os três erros mais comuns que atrapalham a evolução de uma empresa que atua no setor.


1. Desconhecer as necessidades do cliente e não ter gerenciador

A empresa precisa identificar as reais necessidades de cada cliente, conhecendo as suas expectativas e oferecendo um questionário detalhado para a avaliação do patrimônio e do risco.
 
É importante conhecer os hábitos de cada cliente, suas expectativas e nível financeiro. A falta de informação pode gerar a oferta de produtos inadequados para cada tipo de perfil de cliente.
 
Ter um programa de gestão de dados de clientes é fundamental para gerar ganho de tempo e de identificação de público-alvo.

2. Não realizar pós-venda

Algumas empresas, incluindo a corretora de seguros, ainda acham que o relacionamento com o cliente termina no fechamento do contrato.
 
O cliente precisa ser bem atendido em todas as situações, principalmente, quando busca a solução de um problema. É importante que a corretora considere que o contato com cliente nunca estará concluído, nem mesmo com a emissão e assinatura dos contratos da apólice.
 
Muitas vezes, o cliente pode fazer novos contatos para revisar valores, mensalidades, condições de ressarcimento e coberturas. Quando o cliente não se sente bem atendido, ele pode não querer renovar o contrato.

3. Gerenciador para Corretor

Ao manter contato positivo com o cliente, a empresa de seguros pode oferecer outros produtos e outros tipos de seguros que podem cobrir e ajudar o cliente em outras situações.
 
A corretora não pode atuar de modo limitado e fechado. Ao atender bem o cliente em suas necessidades, a empresa precisa criar a cultura de oferecer produtos que de fato atendam as necessidades existentes do cliente.

Conclusão

Portanto, a informação e o atendimento são cruciais para manter os serviços da corretora cada vez mais fortalecidos no mercado de seguro.
É importante abordar o cliente em potencial da melhor forma possível, saber realizar a venda e, no pós-venda manter o cliente sempre bem informado e amparado.
 
O contato cliente com novos e antigos clientes ajudará na renovação de contratos e no fechamento de contratos novos com qualidade e credibilidade.
 
Gostou? Continue acompanhando nossos artigos!

 


Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

0 Comentários